top of page

SAAE PROMOVE CAPACITAÇÃO PARA MORADORES DA REGIÃO DO BRIGADEIRO TOBIAS, VISANDO FORMAR MULTIPLICADORES DE PRÁTICAS AMBIENTAIS


A proposta de formar multiplicadores de boas práticas ambientais busca gerar cidadãos conscientes da necessidade da proteção ambiental e do uso inteligente dos recursos naturais disponíveis. Nesse aspecto, a Educação Ambiental informa, sensibiliza e desenvolve pensamento crítico para gerar ações individuais que quando somadas podem promover o desenvolvimento equilibrado das cidades pelos aspectos ambientais. E é essa a perspectiva da atividade em questão, formar e multiplicar conhecimentos para que os moradores residentes nas áreas de influência das obras de saneamento realizadas pelo SAAE possam emancipar sua consciência e atitude em prol do uso e cuidado com os recursos naturais.


Em 04 de março de 2024, ocorreu a oficina temática "Multiplicadores de Boas Práticas Ambientais nas instalações do CRAS Brigadeiro Tobias, com o objetivo de fornecer informações que levem os cidadãos a refletirem sobre a importância dos cuidados com o meio ambiente. Essa iniciativa faz parte do Projeto de Trabalho Técnico Socioambiental – Esgotamento Sanitário (PTTS ES), sendo planejada e executada pela equipe OMI Consórcio em parceria com a coordenação do CRAS. A oficina contou com a participação de aproximadamente 20 pessoas, residentes na área de atendimento do CRAS Brigadeiro Tobias.


Durante o encontro foram abordados os conceitos relacionados à "colmeia da sustentabilidade", que engloba ações nos setores civil, industrial e governamental voltadas para a promoção da sustentabilidade. Dentre essas ações, destacam-se a gestão de resíduos sólidos, tratamento de efluentes, consumo consciente e educação ambiental. Sequencialmente, foram levantados os perfis de consumo da população brasileira, concebidos por meio de uma pesquisa realizada em 2019 pela Revista Nielsen. Destacou-se as principais características de cada perfil e seus padrões de consumo, como por exemplo, a faixa etária mais jovem, que opta por compras online e está sempre atenta a promoções, e a faixa etária mais idosa, que possui hábitos de consumo estabelecidos por marcas preferidas, não havendo interesse em promoções e compras online.


De modo complementar, foram tratados os conhecidos "5R’s": repensar, recusar, reduzir, reutilizar e reciclar, para suportar o entendimento de decisões que se iniciam no momento da compra de um item até o seu descarte quando necessário.


Na parte final do encontro, foi aplicada uma dinâmica participativa composta por perguntas direcionada aos participantes, visando observar e debater os padrões de consumo no cotidiano. Perguntas como: Costumo planejar a compra de roupas? Evito deixar lâmpadas acesas em ambientes desocupados? Costumo ler atentamente os rótulos antes de decidir uma compra? Desligo aparelhos eletrônicos quando não estou usando-os? Comprei produtos feitos com material reciclado nos últimos seis meses? foram apresentadas e debatidas, com os participantes demonstrando realizar ou não tais tarefas.


Por intermédio das respostas, o público refletiu sobre seus hábitos, de maneira a reconhecer mudanças de hábitos necessários para proteger os recursos naturais.


Após as apresentações, a equipe do Consórcio OMI convidou os moradores a desfrutarem do lanche oferecido, proporcionando a oportunidade para conversas descontraídas sobre diversos temas, expressando agradecimentos à equipe responsável pela condução da atividade.


“Eu achei muito bom, foi muito legal todo o aprendizado de hoje, pra mim foi nota 10”.

(Ronaldo Antunes de Melo)


É a primeira vez que estou participando destas atividades. Eu gostei muito e acho muito válido, a gente aprende muitas coisas e eu agradeço vocês”.

(Vanda Aparecida Mendes)


Alguns registros da atividade podem ser vistos a seguir.









Commentaires


ícone  para acessar o whatsapp do projeto.
bottom of page